Trojan Horse was a Unicorn - Você não pode perder este evento

No dia 15 de setembro irá começar a terceira edição do Trojan Horse was a Unicorn, evento em Tróia, Portugal, que reúne alguns dos maiores nomes das indústrias de arte e entretenimento.

Como já disse em outro post que fiz sobre o evento, agora existe a possibilidade também de assistirmos pela internet, uma vez que os ingressos para o evento presencial já estão todos esgotados e os custos de ir até Portugal seriam fora do orçamento de muitos.

Quero neste post conversar um pouco sobre as vantagens que vejo em ir em eventos desse tipo e especialmente porque a oportunidade de assistir o THU através da internet é única e não pode ser perdida.

Este fim de semana aconteceu o evento Creative Juice Expo Brasil, com Anthony Jones, Dan Luvisi e Mike Azevedo em Curitiba. Estive presente nele e percebi a importância destes eventos na vida de cada artista. Para este evento em específico, farei outro post no futuro, porém de forma generalista, percebo que os eventos como o THU tem alguns fatores que se sobressaem ao esperado.

Normalmente, esperamos nestes contatos com artistas aprender a desenhar, pintar, animar, isto é, pontos técnicos da prática artística, porém acho que os eventos são muito mais do que isso, principalmente em dois pontos: experiência dos artistas e comunidade.

Em Curitiba, ficou muito claro a força da comunidade brasileira de arte e o quanto não nos damos conta disso no dia a dia de nossa evolução. Todos foram extremamente receptivos e empolgados com a arte dos demais.

A prática artística é muito solitária em sua essência, porém todos passamos pelas mesmas frustrações e dificuldades ao longo do caminho e dividir esse fardo é de grande benefício para todos. Aprendi muito com a carreira, erros, acertos e vitórias dos demais. Além disso, fiz grandes amigos. Falarei mais a fundo em outro momento.

Se esse aprendizado já é forte dentre os colegas estudantes, imagina o que é ouvir alguém com anos e anos de experiência, como no caso deste evento, Anthony Jones, Dan Luvisi e Mike Azevedo. Claro que eles tem muito conhecimento técnico para passar, mas este também é abundante em outras fontes. O que acho mais importante é entender o que eles fazem diferente dos demais e como chegaram lá, coisas que acredito estarem muito interligadas, pelo fato de normalmente nosso diferencial ser consequência de quem somos e de nossa jornada artística.

Quero fazer uma análise do THU deste ponto de vista e mais especificamente do primeiro elemento, experiência dos artistas, ao qual teremos mais acesso através do THUTV (que eu comprei no dia de lançamento). Pode parecer que este é somente um "post patrocinado", mas acredite que não é. Estou fazendo ele por dois motivos, primeiro que acredito muito no projeto em si e em sua capacidade de nos unirmos para um bem maior da indústria e de todos os envolvidos, mas também por que acredito ser uma oportunidade fantástica para você que está lendo o post e não conhecia. Uma oportunidade para receber todo o conhecimento que será compartilhado e por um preço acessível (principalmente com o desconto dado aos brasileiros através da ICS, que vou explicar melhor no final do post). Para provar minha crença no projeto, segue uma ilustração que fiz em homenagem:

Arte de Luiz Celestino

Arte de Luiz Celestino

Ir a um evento deste porte, com outros 500 estudantes e profissionais do mercado deve ser algo surreal. É realmente se sentir parte de uma família de artistas que entende o que cada um dos outros sente e ouvir de cada um seus objetivos e planos deve ser extremamente inspirador. Afinal de contas, trocar experiências na minha opinião faz parte da vida de um artista.

No caso do THUTV, seremos todos incluídos na mesma comunidade online. Sendo assim, teremos contato com aqueles que vão ao evento presencial ou compraram o pacote online. Claro que a experiência nesse caso não será nem de perto o que os 500 felizardos viverão em Tróia, porém é o mais próximos que conseguimos chegar.

Mas vamos à parte que considero mais importante no THUTV, experiência dos artistas, como falei anteriormente. Através dessa plataforma, teremos acesso a um conteúdo fantástico, que discutirei na sequência, e por tempo indeterminado. Sendo assim, nós não precisaremos ficar acordados a semana inteira assistindo as mais de 100 horas de conteúdo, poderemos assistir com calma, quantas vezes quisermos.

E que conteúdo é esse? O THUTV não só será uma cobertura extremamente abrangente de tudo que acontecerá em Tróia, mas também está produzindo muito conteúdo exclusivo para os compradores desta versão online. Vamos então quebrar a análise nessas duas partes:

  • Programas exclusivos THUTV
  • Palestras e cobertura do evento

Um ponto importante de frisar, que devo repetir através do post, é que o conteúdo será totalmente em inglês, sem traduções ou legendas. Sendo assim, esteja preparado para isso, seja sabendo a língua ou buscando ajuda dentre seus conhecidos para assistir ao material. Fazemos parte de um mercado internacional e a língua oficial é o inglês, sendo assim, aconselho a buscar aprender o quanto antes. Existe muito material online que pode ajudar nesta tarefa!

Programas exclusivos THUTV

Preferi começar com a programação exclusiva do THUTV, que é um grande diferencial oferecido para esse formato. São mais de 60 horas de outros materiais sobre a indústria, artistas, evolução e aprendizado.

Os apresentadores são conceituados artistas do mercado, você pode conhecer um pouco da história de cada um na imagem abaixo:

É inegável que estes terão plenas condições de fazer as perguntas e comentários certos para cada um dos entrevistados, extraindo o máximo de informação para quem estiver assistindo.

A primeira parte da programação será feita ao vivo no evento, chamada Live Broadcasting, como os programas já anunciados The Breakfast Club e Jack and Coke, que discutirão as realidades do mercado e a vida e trajetória dos artistas participantes do evento, respectivamente. É importante sempre lembrar que apesar de ser um evento ao vivo, as gravações estarão disponíveis para assistir quantas vezes você quiser.

A segunda parte, chamada de Inside the Industry, reunirá conteúdos sobre os mais diversos assuntos da indústria, incluindo empresas dos sonhos, evolução artística, futuro e perspectivas para o mercado, preparação de portfolio e apresentação de novos projetos. Será uma visão ampla e realista de tudo que acontece nos bastidores do nosso ramo.

Por fim, a área de programas chamada Educational Content, trará demonstrações de processos em desenho, pintura e escultura, incluindo batalhas entre artistas nestes dois últimos tópicos!

Como eu disse anteriormente, são mais de 60 horas destes conteúdos exclusivos, cobrindo todos os aspectos da vida de um artista na indústria dos dias de hoje, seja em quesitos técnicos, de carreira, futuro ou pessoais e sociais.

Com o desconto da ICS, se no THUTV só houvesse esse conteúdo, você já pagaria menos de 2 euros por hora de vídeos. É um preço que me parece muito baixo perto da quantidade de informação que conseguiremos extrair dos mesmos. Digo que "me parece" porque assim como vocês estou somente especulando, uma vez que não assisti nada do conteúdo ainda. Mas vamos combinar que estou provavelmente certo, não acha?

Palestras e cobertura do evento

Vamos agora discutir a parte principal do THUTV, uma extensa cobertura do evento, com mais de 40 horas previstas de filmagens.

Como podemos ver na imagem acima, são quatro principais tópicos do conteúdo: Palestras Inspiradoras (Inspirational Talks), Demos ao Vivo (Live Demos), Bate-papos (Fireside Chats) e Duelos Artísticos (Art Battles).

Palestras

Vamos começar pelas palestras, que afinal são o material mais importante e mais esperado do evento, principalmente para o THUTV. Estou especialmente empolgado por tudo que está por vir e vocês podem olhar com calma toda a programação no calendário do evento. Na sequência, tentarei apresentar alguns dos palestrantes e minhas expectativas sobre o que está por vir.

2D

2D é certamente o foco mais forte de todo o Brushwork Atelier, consequentemente pela parte que estou mais empolgado e a qual darei mais ênfase aqui, mas vocês verão que outros grandes nomes de 3D, Animação e VFX farão palestras no evento.

Craig Mullins é certamente o artista mais aguardado do evento. Um dos concept artists mais requisitados do mercado e pioneiro na pintura digital, Craig dará duas palestras no THU. Sim, você leu certo, são duas! A primeira será sobre como se tornar um artista "melhor" e a segunda, mais técnica, sobre o mixer brush do Photoshop.

Arte de Craig Mullins

Arte de Craig Mullins

Arte de Craig Mullins

Arte de Craig Mullins

Será uma das primeiras oportunidades de assistir ele palestrando. Recentemente ele deu uma entrevista para a escola online Schoolism, onde dará aulas em 2016.

O segundo artista que gostaria de apresentar na categoria 2D é Iain McCaig, outro palestrante muito aguardado. Iain McCaig também é um concept artist e ilustrador muito requisitado no mercado de filmes principalmente, tendo feito designs para Star Wars, incluindo os icônicos personagens Darth Maul e a rainha Amidala, dentre muitos outros. Recentemente ele trabalhou na nova versão da Disney para o filme The Jungle Book. Você pode conferir um dos trabalhos abaixo:

Arte de Iain McCaig

Arte de Iain McCaig

Ele também recentemente deu uma entrevista para a Schoolism.. Fiz um post inteiro sobre este vídeo e você pode conferir clicando aqui. E quer saber a melhor parte? Serão duas palestras também desse mestre! A primeira abrirá oficialmente o evento e falará sobre o segredo da vida, simples assim. E vindo de um cara tão positivo e sorridente como Iain McCaig, acredito que será uma aula e tanto! A segunda é intitulada 1001 Nightmares, porém ainda não temos mais informações. Se fosse chutar, diria que terá relação com seu processo de criação e em especial Darth Maul, para o qual o briefing foi "desenhe o seu pior pesadelo".

Iain e Craig abrirão o primeiro e terceiro dias de palestras, respectivamente. O segundo dia ficou com o também artista 2D Alberto Mielgo. O espanhol tem carreiras sólidas tanto em animação quanto em fine arts, tendo trabalhos incríveis em ambos os campos. Ele ficou bastante conhecido por sua direção de arte na série animada Tron Uprising, pela qual ganhou premiações como o Emmy Awards na categoria de Direção de Arte.

Arte de Alberto Mielgo

Arte de Alberto Mielgo

Alberto deu uma entrevista para o podcast de arte The Collective Podcast, que você pode conferir abaixo.

O próximo artista que estou muito ansioso para assistir é Robh Ruppel, diretor da arte da Naughty Dog. Ele dará também duas palestras, ambas com caráter um pouco mais técnico. A primeira será intitulada Image making, process and theory, onde ele deve desconstruir o processo de criação de imagens em todos seus elementos estruturantes e também do ponto de vista de um diretor de arte.

Graphic L.A.
$16.21
By Robh Ruppel

A segunda será chamada How strong design translates through many mediums e, tendo em vista seu uso de design gráfico e shapes na ilustração (como da imagem abaixo), deve ser uma palestra fantástica! Essa simplicidade e design também são percebidos em seu livro, Graphic L.A.

Arte de Robh Ruppel

Arte de Robh Ruppel

O aquarelista e artista de fantasia Adrian Smith, cujo trabalho fala por si só, também estará presente no THU.

Arte de Adrian Smith

Arte de Adrian Smith

Chronicles of Hate HC
$22.22
By Adrian Smith

Em sua palestra, ele irá apresentar o processo por trás de sua graphic novel Chronicles of HATE.

Ele deu aulas na escola Phoenix Atelier, para o qual deu uma série de entrevistas e demos, que você pode encontrar no vídeo abaixo e no canal do Youtube da escola.

Também existem outros vídeos interessantes no canal do youtube do próprio Adrian.

Por fim, não podia deixar de fora o brasileiro Mike Azevedo, prodígio da pintura digital que tem feito sucesso mundialmente. Ele já nos deu a honra no blog de ceder uma entrevista, que você pode ler clicando aqui. Conversei com ele durante o Creative Juice de Curitiba e ele disse que sua palestra do THU, sobre cores, será parecida com a que ele deu no evento do Brasil, sendo assim posso dizer com propriedade que é fantástica!

Arte de Mike Azevedo

Arte de Mike Azevedo

Além destes que citei, existem outros palestrantes não menos importantes com ênfase em 2D, como James ZapataMoby Francke, Snow Mack e Justin Thavirat. Você encontra as descrições de todos os palestrantes no site do evento, ou clicando aqui.

3D

Dentre os de 3D, área que conheço menos, três grandes nomes me chamaram a atenção.

O Brasil está muito bem representado com o mestre Kris Costa, também conhecido como Antropus. Tendo trabalhado muitos anos nos EUA e especificamente na ILM, Kris tem experiência de sobra para as duas palestras que fará, intituladas Challenging Perspectives e What´s Next. Tudo leva a crer que ele falará sobre sua visão quanto a situação atual e previsões para o futuro da indústria de efeitos especiais para filmes. Imperdível para quem quiser algum dia trabalhar nesta área.

Arte de Kris Costa

Arte de Kris Costa

Outros dois gigantes que irão palestrar são Frank Tzeng e David Giraud. Para o primeiro, ainda não foi divulgado o tema da palestra, porém sabemos de David irá falar sobre Concept Design no Zbrush, tema muito atual e importante para todos aqueles que buscam principalmente o mercado de personagens.

Arte de Frank Tzeng

Arte de Frank Tzeng

Alex Alvarez (fundador da Gnomon), Rodrigue Pralier, Justin Fields e Naru Omori são outros artistas 3D que falarão no evento.

Animation

Acredito que o maior nome da animação no evento será Paul Briggs, da Disney Animation Studios. Paul fará duas palestras no evento, uma focada para Storyboards, onde ele falará do processo de realização do script através desta ferramenta, e a segunda focada em visual storytelling, conceito fundamental para qualquer artista.

Arte de Paul Briggs

Arte de Paul Briggs

Outro gigante da indústria de animação que irá palestrar no THU é Dice Tsutsumi, que já trabalhou por muitos anos na Pixar e hoje tem seu próprio estúdio, Tonko House.

Arte de Dice Tsutsumi

Arte de Dice Tsutsumi

Dice irá fazer duas apresentações, sendo a primeira voltada para sua atuação de muitos anos na Pixar, com color scripts para filmes e a segunda contando como foi a produção do curta The Dam Keeper, da Tonko House, indicado ao Oscar.

O último nome que compõe o quadro de palestrantes de animação é Sebastian Kalemba, que falará de assuntos mais técnicos. Em sua primeira palestra ele falará da transposição de cinematics para os jogos e as diferenças de processo, enquanto na segunda ele irá apresentar a importância dos conhecimentos de animação clássica (por keyframe) para melhorar a performance de motion capture.

VFX

VFX é um mercado que conheço menos ainda, então me restringirei a apresentar o artista que abrirá as palestras do quarto dia, David Prescott. Sua palestra será sobre percepção, solução de problemas e a busca de inspirações no mundo real, outro tema importantíssimo para todos os artistas.

Outros artistas de VFX do evento incluem Grzegorz Jonkajtys, Rodrigue Pralier, Shane Mahan (que apresentarei nas demos logo abaixo) e Kevin Mack.

Fine Arts

Norman Seeff é um dos fotógrafos mais respeitados da atualidade, tendo fotografado celebridades como Steve Jobs, Ray Charles, Tina Turner, Van Halen e muitos outros.

Em sua palestra, ele falará sobre carreira e seus caminhos.

Os demais artistas de Fine Arts estarão em uma área chamada The Gallery, fazendo demonstrações durante todo o evento, como falaremos a seguir.

Live Demos

Os artistas Kim Jung Gi, Jeremy Mann, Shane Mahan, Alberto Mielgo e Karla Ortiz estarão durante os 4 dias de evento criando peças ao vivo. Os três primeiros terão horários reservados para demos e uma lecture/aula/palestra. Porém, será possível assistir o que aconteceu e o processo de cada um deles..

Quem não gosta de assistir o mestre Kim Jung Gi desenhando? Ele solicitou um mural de 10 metros de comprimento para suas criações.

Arte de Kim Jung Gi

Arte de Kim Jung Gi

Segue um vídeo dele desenhando em outro evento só para dar um gostinho.

Para mim, a demo mais esperada é do artista Jeremy Mann. Acho seu trabalho maravilhoso e estou ansioso para ver como é o processo de criação dele.

Arte de Jeremy Mann

Arte de Jeremy Mann

Arte de Jeremy Mann

Arte de Jeremy Mann

Também será exibido no THU o documentário a Solitary Mann, de Loic Zimmermann, porém, por acordos com festivais, o mesmo não poderá ser exibido no THUTV. Sendo assim, teremos que assistir sua demo e esperar para ver o documentário no final do ano. Segue o trailer:

Por fim, Shane Mahan, co-fundador da Legacy Effects, deve demonstrar um pouco de seu processo no mercado de efeitos especiais.

Fireside Chats and Art Battles

Além de todas estas palestras e demonstrações, a cobertura do evento também contará com bate-papos ao vivo com Norman Seeff, Craig Mullins e um intitulado VFX War Stories, que deve atacar os principais problemas e histórias da indústria de efeitos especiais. As conversas serão moderadas por Scott Ross.

Outro evento muito interessante serão as art battles, que o Andre Lourenço, organizador do evento, chamou de o Master Chef da arte. Quatro artistas já estão confirmados, Mike Azevedo, Ian McQue, Karla Ortiz e Craig Mullins, e receberão o mesmo briefing para criar peças ao vivo. Acho que não preciso nem falar mais nada a respeito. Vai ser fantástico!

Benefícios

São no total mais de 100 horas de conteúdo, o que com o desconto da ICS equivale a menos de 1 euro por hora! Ainda não está convencido de que vale a pena?

Além disso tudo, o evento conta ainda com uma série de benefícios dos parceiros e patrocinadores. A tabela abaixo mostra tudo que você terá direito. Os que mais me chamam a atenção são uma edição gratuita da ImagineFX, até 20% de desconto em tablets Wacom, 30% nos cursos online da Gnomon e 30% nos workshops da ICS.

Resumo

Como discutimos, ser artista é muito mais do que simplesmente saber desenhar ou pintar, é sonhar, se frustrar, persistir, falhar muito e viver aprendendo. E isso é igual para todos nós! Percebi pelo pouco de contato que tive com profissionais renomados como Anthony Jones, Dan Luvisi e Mike Azevedo que somos todos iguais (essa foi a principal mensagem do Creative Juice) e não importa em que ponto da carreira você estiver, você continuará tendo dúvidas, seja sobre sua arte, sua carreira ou sua vida pessoal em torno disso tudo.

Também aprendi de verdade no evento que não precisamos passar por estas dificuldades sozinhos. Vivemos em uma era que nos permite ter contato constante com pessoas em qualquer lugar do mundo e aprender, dividir e compartilhar com elas tudo que estamos passando e sentindo.

No post em que discutimos o desenvolvimento do olhar crítico fora de universidades, que você pode ler clicando aqui, aprendemos a importância desse "grupo de indivíduos com mentes e objetivos semelhantes" e que cada vez mais, conseguimos ter contato com os grandes profissionais do mercado e absorver um pouco de suas experiências de vida.

O THUTV é uma destas oportunidades! Reunindo alguns dos maiores artistas da atualidade e conteúdos criticamente elaborados para passar a melhor informação possível, o evento se torna uma chance imperdível!

E quanto teremos que pagar por isso? Andre Lourenço acredita muito no potencial do mercado brasileiro e, por isso, fez uma parceria com a ICS - Innovation Creative Space para oferecer 44% de desconto para TODOS OS BRASILEIROS. Veja a imagem abaixo para saber como comprar.

O evento que custaria normalmente 150 euros (mais taxas e impostos), ou quase 700 reais, agora sairá por menos de 400 reais. Fazendo uma conta rápida, são menos de 4 reais por hora de conteúdo. Se você for estudar com calma e profundamente os conteúdos, como acho que deveria, levará meses para absorver as mais de 100 horas. Se você assistir e estudar o equivalente a 30 min de conteúdo por dia, o que acho ser uma visão realista, você precisará de quase 6 meses para cobrir todo o material. São pouco mais de 60 reais por mês para ouvir alguns dos melhores artistas do mundo. Além disso, serão quase 6 horas com Craig Mullins, 3 com Iain McCaig, 3 com Robh Ruppel, Paul Briggs, Dice Tsutsumi, acho que já deu pra entender, certo? Espero ter deixado você tão empolgado quanto eu estou!

Para mais informações, você pode também assistir uma entrevista com Andre Lourenço feita por Mike Azevedo e Vitorugo.

Gostou deste conteúdo? Compartilhe nas redes sociais clicando no botão de SHARE logo abaixo deste post! Siga também nossa página do Facebook e não deixe de assinar nossa lista de e-mails para ficar por dentro de todas as grandes novidades!

Primeira vez no blog? Veja também outros conteúdos populares:

Muito obrigado por acompanhar!